Palavras de uma menina que, dentre outras coisas na vida, não tinha olhos

Entre o breu e a nitidez

Há um mundo nosso

(Mais seu do que meu)

Que nos ensina alguma vez:


Não se contente em tê-los

Digo dos olhos, meu caro

A verdadeira cegueira

É enxergar e não ver


Pena não ser um caso raro


8 comentários:

  1. A foto foi feita pelo fotógrafo Felipe Luz ( http://www.flickr.com/photos/phreakinphotograph ) e a modelo é Isabella Saldanha ( http://www.flickr.com/photos/anziehenfotos )

    Espero que gostem da poesia. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. essa poesia serve para tannnta gente que eu conheço!

    ResponderExcluir
  3. Recado bem dado a tanta gente q eu conheço tb.
    Mais uma vez, parabens!

    ResponderExcluir
  4. Ótimas palavras. Totalmente verídico!

    ResponderExcluir
  5. Verdade pura... adorei!
    Beijo, beijo!

    ResponderExcluir
  6. Gian Castrioto malot30 de julho de 2010 14:09

    Muito legal. ;)

    ResponderExcluir

Poderá ser preciso clicar mais de uma vez no botão "Postar comentário" para que o seu comentário seja enviado com sucesso. Obrigado pelo comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...