O mochileiro

Na mochila dele tinha tudo.
Tinha amendoim,
biscoito e livros
sobre a América do Sul.
Tinha até alecrim.
Também um binóculo e um caderno
de capa azul.

Na mochila dele tinha tudo.
Tinha sua viagem,
férias e carnaval.
Seus beijos, abraços e alegrias.
Ali tinha toda sua bagagem:
Roupas, perfume, eticétera e tal.
Sua lágrima, seu sorriso e sua nostalgia.

Na mochila dele tinha tudo.
Na mochila dele tinha o mundo.

3 comentários:

  1. Muito bom, Augusto!!
    Adorei o desfecho "Na mochila dele tinha tudo.
    Na mochila dele tinha o mundo."
    Quando ficar famoso não esquece dos amigos, viu? Huahuahuahua!!
    Beijoo!

    ResponderExcluir
  2. ;)(Y)
    Parabéns cara!!! Outro belo poema..

    hahahaha.... como sempre!
    brçs!!!

    ResponderExcluir

Poderá ser preciso clicar mais de uma vez no botão "Postar comentário" para que o seu comentário seja enviado com sucesso. Obrigado pelo comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...